Rondonópolis/MT,

Em busca da franja ideal

As franjas estão em alta. “Principalmente a alongada, aquela na altura do nariz”, diz a cabeleireira e sócia do salão carioca Vermani, Maria Santos Silva. Mas toda mulher sabe o trabalho que dá manter o penteado sempre bonito, com aquela cara de quem acabou de sair do salão. “O cuidado precisa ser diário, até porque, durante a noite, o cabelo vai amassando, o que faz com que desapareça aquele resultado lindo do dia anterior”, afirma.

Para solucionar esse problema, a cabeleireira dá dicas poderosas para manter sua franja sempre linda, de acordo com o seu tipo de cabelo.

Cabelos oleosos

Quem tem esse tipo de fio sabe o quão difícil é segurar o penteado. Ao longo do dia, os cabelos vão ficando com aspecto de sujo e a franja começa a grudar na testa. “Tem que lavar o cabelo todos os dias, não tem jeito”, enfatiza a cabeleireira. “Se em último caso não deu tempo de lavar, aplique uma pequena quantidade de talco, apenas na franja, e passe o secador para retirar o excesso de pó. Assim você não sai com o cabelo branco de casa”, ensina. “Também abandone o hábito de ficar passando a mão na franja o tempo todo, já que isso ajuda a espalhar o óleo nos fios”, completa.

Cabelos ressecados 

“A tendência da franja é ficar oleosa por conta do contato constante com a pele, coisa que não acontece com o restante dos fios. Por isso, de certa forma, o cabelo ressecado será o menos trabalhoso para manter a franja em dia, pois a oleosidade natural vai corrigir a falta de hidratação desse fio”, explica.

Cabelos cacheados

“Vai dar trabalho”, garante a cabeleireira. Mas a sócia do Vermani dá duas opções: “Ela pode manter as ondas, optando por fazer um corte de franja lateral. A dica para essa escolha é não passar muito a mão para manter a forma ondulada daquela mecha. Para uma franja que ocupe toda a região da testa, o cabelo precisa estar liso. Para isso, aplique uma pequena quantidade de cera na mecha e, com uma prancha, vire-a para dentro e solte, sem puxar ou manter o aparelho por muito tempo no cabelo. Também dá para ter esse efeito com a dupla escova e secador. Evite puxar demais os fios para não quebrá-los e ganhar o temido efeito frizz”.

Cabelos quimicamente tratados 

“Esse cabelo normalmente fica muito castigado. Para que a franja não fique com aspecto rígido, é indispensável fazer hidratação a cada quinze dias, alternando com cauterização capilar. Antes de jogar o calor do secador ou da chapinha, aplique produtos antifrizz ou um protetor térmico, para reduzir o volume e dar mais leveza aos fios”.

Fonte: iTodas