Encontre no EC

Rondonópolis/MT,

Morte e danos à saúde: por quanto tempo você sobreviveria em frente a um PC?

Você com certeza deve saber que permanecer muito tempo em frente ao computador pode ser extremamente prejudicial à saúde. Pessoas que passam horas e mais horas sentadas podem desenvolver vários tipos de lesões diferentes. E, em alguns raros casos, você pode acabar na pior — ou seja, morto!
Por isso, nós resolvemos reunir alguns casos polêmicos envolvendo longas jornadas em frente aos computadores, seja jogando ou realizando outras atividades. Aproveitamos, também, para reunir algumas notícias que envolvem jogadores que acabaram falecendo após longas horas em frente aos consoles.
Cuidado para não virar zumbi em frente ao PC! (Fonte da imagem: Divulgação)
E, para acalmar a população, aqui vão algumas dicas básicas para permitir que você consiga navegar tranquilamente e sem qualquer possível lesão. Preparado? Então, antes de começar a ler, alongue-se um pouco. Agora sim, vamos lá!


Causa da morte: PC e video games


É bem provável que você já tenha visto ao menos uma notícia informando uma trágica morte causada por sessões interruptas em frente ao PC ou a um video game. Recentemente, aqui no TecMundo, publicamos que um jogador de 23 anos acabou falecendo após uma jogatina de mais de 23 horas. Certamente, esse não é o primeiro e nem o último caso do tipo.
Mas por que isso acontece? Quais são as causas? Fizemos uma pesquisa vasculhando diversas notícias sobre mortes por longos períodos em frente ao PC ou video game e reunimos algumas das principais causas de falecimento.
Na grande maioria dos casos, a causa foi insuficiência cardíaca. Tal problema pode ser ocasionado por exaustão e desidratação, já que boa parte das vítimas acaba jogando horas a fio, sem pausas para descansar e até mesmo para se alimentar adequadamente.
Na Coreia do Sul, por exemplo, um jogador de 33 anos morreu depois de uma sessão de... 650 horas! Ou seja, o rapaz, conhecido apenas como “O garoto de Chaoyang”, ficou 27 dias jogando sem parar. Durante a jogatina, o gamer se alimentou apenas com macarrão instantâneo e mal bebia ou dormia. Com a “maratona,” O garoto de Chaoyang conseguiu arrecadar cerca de R$ 3.000, mas não aguentou e acabou falecendo por desnutrição e insuficiência cardíaca.
Em outro caso, o jovem Chris Staniford, de 20 anos, acabou falecendo após jogar Halo por 12 horas seguidas. A tragédia aconteceu em 2011 e, segundo os médicos, um coágulo de sangue viajou das pernas para o pulmão de Chris, matando-o instantaneamente. Tal coágulo surge quando um membro do corpo permanece estático por muito tempo — e pode percorrer as veias sanguíneas, chegando a locais como cérebro, coração e pulmão.
Algumas mortes que, aparentemente, são causadas por longas jornadas em frente ao PC ou aos video games, na realidade têm conexão com problemas pré-existentes no organismo de quem está jogando ou navegando.
Anna-Lee Kehoe, por exemplo, faleceu aos treze anos de idade durante uma jogatina em seu Xbox 360. Mas, ao contrário do que muitos podem cogitar, Anna-Lee não faleceu por insuficiência cardíaca, mas por um ataque cardíaco, já que a jovem era asmática e, um dia antes, teve um ataque.
Outro caso semelhante ocorreu com Peter Burkowski, na década de 1980. O jogador de 18 anos morreu em frente a um fliperama após passar dezenas de horas tentando bater o recorde do game Berzerk. A causa da morte também foi o ataque cardíaco e, segundo a autópsia, Peter tinha um coração problemático que fazia dele uma “bomba relógio”, pois o órgão não poderia ser sujeito a um aumento de pressão sanguínea.


Evitando problemas


Até mesmo uma jornada relativamente curta pode ser o suficiente para que seu corpo acabe se desgastando de alguma maneira, o que pode prejudicar a sua saúde. Além disso, muitas pessoas acabam obrigadas a trabalhar ou estudar durante horas a fio em frente ao PC. Por isso, resolvemos separar algumas dicas básicas para que você mantenha sua saúde enquanto se mantém em frente ao computador, cortesia da Universidade de Staffordshire.
Primeiramente, e talvez um dos fatores mais importantes, é manter uma postura correta. Isso significa ter um apoio adequado em sua cadeira, fazendo com que suas costas permaneçam confortáveis. Além disso, sua cabeça deve permanecer ereta e seus ombros relaxados. Seus braços devem estar na horizontal e seus punhos sempre alinhados com suas mãos.
Gosta tanto assim de games? Então experimente jogos mais saudáveis! (Fonte da imagem: Divulgação)
Uma postura inadequada pode gerar problemas em seus tendões e nervos, e jornadas longas podem fazer com que a famosa LER (lesão por esforço repetitivo) apareça. Para evitar que isso aconteça, procure realizar várias pausas curtas durante sua jornada, em vez de apenas poucas e longas paradas.


Lembre-se de viver

Sem dúvidas, navegar pela internet, utilizar o PC e jogar video games são atividades excelentes que podem render momentos de entretenimento, e também servem como meios para ampliar seu conhecimento e interagir socialmente. Entretanto, é importante lembrar que ainda há vida lá fora.
Se você realmente for obrigado a utilizar o PC ou jogar por longas horas, lembre-se sempre das dicas básicas para manter seu corpo funcionando adequadamente. E, nos momentos livres, procure interagir não somente pelas redes sociais, mas com amigos em carne e osso. Procure dosar bem a sua vida virtual e pratique esportes sempre que possível — e nada de usar FIFA 12 como desculpa!


Fonte: tecmundo , Por Gabriel Bello