Rondonópolis/MT,

Homem experimenta depilação íntima e…


Nesse texto sobre depilação masculina íntima descrevemos a experiência de um homem que quer surpreender a mulher depilando as partes íntimas, mas quem acaba surpreso (e coçando) é ele. Confira o relato do trauma.

Chego em casa nervoso e excitado, hoje vou pôr em pratica meu plano para surpreender a minha mulher e ter uma noite de sexo animal. Decidi depilar-me, púbis, testículos e ficar lisinho como um CD virgem, para ver se dá uma esquentada no relacionamento. Como não tenho nem idéia de como fazer a depilação, pedi conselho a uma amiga do escritório. Ela deu bons conselhos:

Primeiro raspar com máquina de cortar cabelo;
Utilizar espuma ou gel;
Passar aparelho de barbear, nunca contra o crescimento do pelo;
Finalizar com creme hidratante.

Não pode ser tão difícil assim, pego a maquininha de cortar o cabelo e vou deslizando pelo púbis. Que cosquinha gostosa. Isso foi fácil. Começo com a espuma...

-"Kkkkk... meu pinto parece um papai Noel..."

Pego o aparelho de barbear. Cacete, é o tal do Machh3 Turbo Ti 16 v. Isto corta mais que a serra elétrica da sexta-feira 13. Levanto meu saco para ter melhor visão, primeira dúvida: qual é o lado do crescimento do pelo? Sei lá, deve ser deste lado aqui mesmo. Depois de deixar um ovo lisinho como uma bola de bilhar suspiro feliz por não ter perdido nenhum espermatozóide.

Mãos a obra, o outro ovo... Passo aqui... Passo ali... Ligo a água do bidê e lavo o resto da espuma. Quando olho no espelho me sinto um bebê novamente, não pelo tamanho do pinto, mas porque fiquei com a pele lisinha, só que uma coisa não ficou legal...

O contraste de minha pélvis pelada entre a barriga e as pernas peludas mais parece um monte de Chernobyl. E quando levanto o saco a coisa fica ainda pior, o fiofó peludo fica ainda mais preto e assustador do que habitualmente!

Calma, nada de pânico. Ainda faltam duas horas para que minha mulher chegue. Tenho tempo, espuma, barbeador e pulso de cirurgião, vamos lá.

Alguém já tentou depilar o fiofó sozinho? Enquanto faço, sinto que sou o primeiro a tentar. Retorço-me até o ranger da espinha para poder me ver, como não consigo, faço sem olhar mesmo.

Cacete! Esqueci de passar a maquininha antes. Chego à zona do agrião e como não vejo nada, pego um espelho que minha mulher usa para depilar as sobrancelhas.

Deito na cama, como uma mulher no parto, assim como um frango assado; com o espelho da parede e o de mão. Me posiciono até ver o rabo peludo. Meu Deus do céu! Que coisa mais feia, tanto tempo juntos e mal nos conhecíamos. Alguns minutos depois passo a mão pelo "lombo" e vejo que está tudo macio. Pronto, cu depilado!

Após isso depilo as pernas sem nenhuma dificuldade. O torso faço-o lendo. Bom, depois de 3 tubos e meio de espuma de barbear me sinto outro. Nem me reconheço! Até pareço um desportista. O ar chega a fazer cosquinhas por zonas que antes estavam abrigadas.

Uma ducha para limpar o resto de pelos e de espuma e com o barbeador vou repassando algum local que tenha esquecido. Agora só falta passar o creme hidratante.

Vamos lá, busco entre os potes de minha mulher. Há coisas raríssimas, por um momento fico em dúvida se aquilo tudo não se trata de material de restauração de arte sacra. Leio: "lifting", "anti-age", "leite demaquilante... hidratante", ops... Exatamente o que eu preciso. Espero que dê para todo o corpo.

Começo a untar-me na mesma ordem que me barbeei. No início o "ardidinho" até que é gostoso, mas depois meu corpo parece pegar fogo. Agora entendo o porquê falam que algumas mulheres passam mal na depilação.

Quando termino todo o corpo arde e coça. Parece que tenho um formigueiro de saúvas no saco. Me visto e vou brincar com o cão para ver se alguma coisa me acalma. Mas que nada, sinto o corpo inteiro abrasando como se estivesse soltando descargas.

Volto para dentro de casa tiro a roupa e olho no espelho. Minha nossa Senhora! Estou mais vermelho que um pimentão vermelho cozido! Resolvo tomar uma ducha fria e a coisa se acalma um pouco, mas não posso encostar em nada.

Coloco uma camiseta larga, número GGG e aguento como um campeão até que minha mulher chegue, ela me conhece bem e com certeza poderá me ajudar.

Quando ela chega, esbugalha os olhos ao me ver:

-"PQP, que quê isso? Você está em carne viva, o que você fez criatura?

-"Bem... hmmm... eu queria fazer uma surpresinha para você raspando o saco e me depilando..."

-"Mas o que você usou pra se depilar, um machado?"

-"Não, mas acho que foi o creme hidratante, foi depois dele que começou tudo a coçar e queimar..."

-"Mas que diabos de creme você usou homem?"

-"Este aqui..."

-"O demaquilante? Meu Deus... Kkkkkk".

Alguns dias depois por fim acabaram os comichões e a ardência. O pior foi o fiofó, retorci-me como se tivesse com lombrigas entaladas. Parecia que tinha sentado o rabo num vespeiro!

Somente hoje consegui me vestir para vir trabalhar. Me cocei tanto que o pessoal do escritório recomendou ir ao médico para ver se não estou com sarna, muitos nem se aproximam da minha mesa de medo. E o pior é que nem posso contar o que aconteceu. Depilação... Nunca mais!

Fonte: Frases para rir