Encontre no EC

Rondonópolis/MT,

Veja 8 dos mais fascinantes fungos


Mesmo sendo abundantes no mundo todo e essenciais no ciclo da natureza pela decomposição da matéria, muito pouco é sabido sobre a a variedade dos fungos. Hoje, estima-se que o reino Fungi compreenda de 1,5 milhão a 5 milhões de espécies - e apenas 5% delas teriam sido classificadas. Destas, separamos algumas das mais belas e fascinantes - confira:

Na foto acima você vê o Lactarius indigo - conhecido por sua distinta cor azul, ele costuma aparecer na América do Norte, América Central e no leste da Ásia. Conhecido como 'cogumelo de leite', quando cortado expele um líquido azul que, com o contato do ar, vai se tornando verde.Editora Globo / Editora Globo

Lycoperdon umbrinum - pertence a um gênero chamado, comumente, de 'bufa-de-lobo'. Esta espécie é encontrada na Europa, China e América do Norte. Em vez de seus esporos serem formados em uma abertura externa, eles são criados no interior de seu corpo // Crédito: Wikimedia Commons.Editora Globo / Editora Globo

Tremella mesenterica - é um fungo gelatinoso chamado, muitas vezes, de 'cérebro amarelo'. Costuma crescer em galhos de árvores podres durante o tempo chuvoso - por isso é comum em florestas tropicais. Apesar de ser considerado 'sem gosto' é comestível // Crédito: Wikimedia Commons.Editora Globo / Editora Globo

Aseroe rubra - chamada de 'fungo anêmona do mar', por sua semelhança clara com a anêmona marinha, é famosa por seu cheiro de carne em decomposição. Comuns na Austrália, podem aparecer em jardins e gramados // Crédito: Wikimedia Commons.Editora Globo / Editora Globo

Geastrum saccatum - no Brasil, é chamado de estrela-da-terra. Não é considerado comestível por seu gosto amargo. Acredita-se que seu formato de estrelas seja devido a um acúmulo de cristais de oxalato de cálcio, que antecede a 'abertura' da estrela. Editora Globo / Editora Globo

Clavaria zollingeri - conhecida como o coral violeta, é uma espécie de fungo bastante popular. Seus corpos costumam chegar a 10cm de altura e em um aglomerado de 7cm de largura // Crédito: Wikimedia Commons.Editora Globo / Editora Globo

Rhodotus palmatus - é o único integrante conhecido de seu gênero, conhecido popularmente como o 'pêssego enrugado'. É uma espécie rara e é considerada ameaçada na Europa. Nem todos os indivíduos têm a chamativa coloração rosa - alguns são mais esbranquiçados, devido a uma menor exposição à luz. // Crédito: Wikimedia Commons.Editora Globo / Editora Globo

Apesar de sua aparência bonitinha, é um cogumelo venenoso e psicoativo. Foi transportado para o hemisfério sul sem ser percebido, preso às madeiras trazidas de outras regiões. Agora é considerada uma espécie cosmopolita // Crédito: Wikimedia Commons.Editora Globo / Editora Globo

Fonte: Revista Galileu/Globo