Rondonópolis/MT,

Beleza negra



Quem tem a pele negra e os cabelos cacheados sempre fica em dúvida na hora de se maquiar e de cuidar dos fios. O tom da base ideal, o que fazer para manter os fios hidratados e como criar um penteado diferente podem ser um tormento. Selecionei três dicas de beleza para você fazer bonito. Confira e arrase por aí!

Cabelos:


Beto Fernandez, cabeleireiro do Jacques Janine, disse que 70% das brasileiras têm cabelos étnicos, que vão dos encaracolados aos mais crespos. Engana-se quem pensa que os cabelos crespos são sinônimo de resistência. “Na verdade, eles são delicadíssimos, por serem muito porosos e sempre tenderem ao ressecamento. É preciso muito cuidado com eles”, alertou.

“Nada contra quem alisa, já que o importante é você encontrar o visual que realmente te agrade. Mas as mulheres que assumem os cachos têm muito mais opções na hora de brincar com o visual, podendo usar tranças, penteados e os mais variados acessórios nos cabelos”, disse.


Cuidados diários

“O mais importante para se ter um cabelo bonito é cuidar dele no dia-a-dia, usar produtos adequados, hidratar. Não adianta ir ao salão uma vez por mês e pronto, tem que cuidar mesmo!”, falou Beto.

O ideal é que o cabelo só seja penteado quando estiver molhado. Seja qual for o tipo, eles devem ser sempre desembaraçados.

Não há como indicar o shampoo perfeito, cada cabelo é um caso. O jeito então é sair testando as diferentes marcas. Para você não acabar com uma estante cheia de shampoos que testou e não gostou, peça as amigas um pouco do delas para experimentar.

O cabeleireiro recomenda, além de um bom shampoo, um creme ou máscara que deixe os cabelos mais pesados, já que o cabelo crespo é geralmente levíssimo.

Leave in ativador de cachos, aqueles produtos que você passa depois do banho, são indispensáveis na opinião de Beto. O produto tem que ser passado de baixo para cima.

Mousses, ceras, leave ins, ativador de cachos, silicone, todos são bem vindos. “O gel também está liberado, mas ele tem que ser sem álcool, informação que consta na embalagem”, alertou Beto. Você deve escolher o produto que dá ao cabelo o efeito (molhado, arrepiado, moldado, cacheado) que você deseja.

É bom ter também um shampoo de limpeza profunda para retirar resíduos de todos esses produtos acima. “O couro cabeludo respira e você não terá problemas com caspas”. O shampoo deve ser usado uma vez por semana. Aplique uma vez ou duas, se sentir que o cabelo não está limpo ainda. Depois passe o seu shampoo normal e seu creme.
Tranças, presilhas, faixas, tiaras, elásticos podem dar mais colorido aos cabelos, mas cuidado! Se você prende sempre os cabelos com elástico eles podem se quebrar ou ficar marcados. Tente revezar os penteados para não estragar os fios.

Dica: Misture silicone com mousse e aplique nos cabelos depois do banho. Os cachos vão ficar definidos, mas o cabelo não fica duro ou com cara de plastificado.


Tratamentos

Bobes de cabelo – Sua avó já usava e não tem erro, eles funcionam! “Se o cabelo é muito crespo os bobes dão um ótimo resultado”, falou o cabeleireiro. Se quiser formar cachos, use bobes pequenos. Se quiser alisar, use os maiores.

Escova – Você pode apelar para a escova para mudar o visual por um dia. Não é bom fazer sempre para não ressecar o cabelo. Funciona melhor para cabelos não muito crespos. A desvantagem é ter que fugir de qualquer tipo de umidade.

Escova definitiva – Pode ser feita por mulheres com cabelos alisados previamente, mas os fios devem estar bem cuidados ou você corre o risco de estragar as madeixas.

Alisamentos, relaxamentos, defrisagens – “Não existe muita diferença nos métodos, são todos processos químicos que aumentam ou eliminam os cachos. O ponto é usar o produto certo para o seu tipo de cabelo”, disse Beto. Esses tratamentos são uma alternativa para quem não gosta ou não tem tempo de ficar fazendo penteados. É preciso sempre retornar ao salão para pelo menos retocar a raiz e ficar de olho na hidratação dos fios.

Cauterização de fios / Plástica dos fios / Queratinização – As novas tecnologias estão lentamente aposentando os banhos de creme. “Antes os tratamentos disponíveis davam apenas maciez aos fios. Agora a tecnologia permite quebrar as moléculas de queratina para que elas penetrem na cutícula do cabelo, dando consistência para o fio”, contou Beto.

A cauterização deve ser feita no salão de beleza porque requer equipamentos especiais. Primeiro são aplicadas no cabelo ampolas de queratina com moléculas muito pequenas, diferentes das compradas em lojas. Após um tempo, você vai para um primo moderno do vaporizador que bombeia cargas positivas em seu cabelo para fechar as cutículas, amaciando os fios. Esse tratamento não alisa ou aumenta os cachos, mas sim trata profundamente dos fios.


Nécessaire básica

Shampoos e cremes para cabelos crespos
Shampoo de limpeza profunda
Ativador de cachos / leave in
Acessórios como tiaras, elásticos, faixas e presilhas



Pele:
 

Saiba por que quem tem a pele escura precisa tomar alguns cuidados especiais. Você já deve ter notado que as pessoas com tons de pele mais escuros, mesmo com a idade avançada, aparentam ser mais jovens que as pessoas de pele clara. Isso acontece porque a pele negra possui características específicas, demandando, portanto, cuidados especiais.

Nos negros a produção de colágeno é maior e a última camada da pele, conhecida como córnea, é mais espessa, o que ajuda a preservar a hidratação interna e a manter a pele firme e resistente. A ausência de flacidez impede o aparecimento de muitas rugas e sulcos profundos, o que explica a aparência rejuvenescida de homens e mulheres negros.Outra característica da cútis negra é que ela produz uma quantidade maior de melanina, que funciona como um filtro natural, protegendo a pele da radiação solar. Quanto maior a proteção, menor a chance de desenvolver um câncer de pele.Mas existem algumas particularidades da pele escura que merecem atenção especial. Ela é naturalmente mais oleosa, o que facilita o aparecimento da acne e da foliculite, uma inflamação causada por pêlos encravados. Para diminuir o problema a pele deve passar por dois processos diários de limpeza, com sabonetes à base de substâncias desengordurantes, como hamamélis, sálvia, confrei e centella. As estrias também são grandes inimigas da pele negra que, por ter uma trama mais fechada, rompe com mais facilidade. É preciso evitar a todo o custo engordar e emagrecer rapidamente e na gravidez deve-se redobrar a atenção.Como a cútis escura tem maior facilidade para a formação de quelóides - cicatrizes aumentadas em espessura e quantidade -, é preciso tomar muito cuidado com cirurgias plásticas e peelings e os tratamentos estéticos devem ser realizados em clínicas especializadas e com profissionais credenciados.Hoje os setores de higiene pessoal e cosméticos reconhecem as necessidades especiais que a pele negra exige e disponibilizam vários produtos criados especificamente para atender a esse público.



Maquiagem:



A maquiagem para a pele negra não tem segredos. E ao contrário do que muitas pessoas pensam, é possível inovar e fugir dos tons de cobre. Apesar de ser uma questão de gosto, a pele negra permite tanto uma maquiagem mais natural, como um make todo colorido, por exemplo.

Veja as dicas do beauty artist Denylson Azevedo, do salão Jacques Janine e finalista do Concurso Conexão Beauty Art e aprenda a realçar a sua beleza.



Pele

- O truque para manter a pele negra sempre hidratada e sem manchas é usar diariamente um bom hidratante facial.

- Como esse tipo de pele costuma ser mais oleosa, opte pelos hidratantes em gel.

- Não se engane. A pele negra também precisa de proteção contra o sol. Aplique filtro solar FPS 15 diariamente.

- Para realçar o brilho natural de sua pele, aplique um primer, o que vai deixá-la uniforme e procure usar um pincel específico para trabalhá-la.


Base, corretivo e pó

- Antes de escolher a base ou o pó facial, teste os produtos no seu próprio rosto. Dessa forma você saberá se a cor é exatamente a que você procura.

- Não tente escurecer e nem clarear a pele. Siga sua coloração natural.

- Não deixe que o pó fique evidente na pele.

- Escolha um corretivo de cor bege escuro.


Blush

Os blushs nos tons de laranja e terracota são os preferidos por darem a pele aspecto de saudável. Mas se você gosta de contrastar as cores no seu tom de pele, escolha tons cerejas e vermelhos ou opacos e cintilantes.


Sombra

Mulheres negras com a pele bem escura devem optar por tons de cobre, dourado, rosa escuro, vinho e berinjela. Já as mulheres que tem a tonalidade da pele mais puxada para o marrom, podem escolher cores como dourado, bronze, cobre e chocolate.


Lábios

- Existem muitas opções de cores para os lábios. Esse tipo de pele combina com tons de rosa, vermelho, laranja e os metálicos, cobre e dourado, que realçam os lábios.

- Nunca contorne seus lábios com lápis mais escuro como marrom ou preto. Este efeito dá um toque muito carregado ao make.

- Se seus lábios necessitarem de contorno use um tom de lápis próximo a cor do batom que será aplicado na sequência.