Rondonópolis/MT,

O mais nobre dos chás

Por séculos, somente aos imperadores do Oriente era reservado o privilégio de degustar o sabor adocicado da infusão preparada com as primeiras folhas da Camellia sinensis, árvore que dá origem à grande maioria dos chás, como o Verde e o Preto. Hoje o chá Branco virou celebridade entre as variedades desta bebida, não só pelo paladar, mas também por suas propriedades terapêuticas.

O status justifica-se pela sua raridade. Produzido principalmente pela China, Japão e Índia, a colheita do chá Branco é realizada apenas três dias no ano, precisamente entre abril e maio. Na ocasião, são colhidas somente folhas e brotos antes de as flores se abrirem, quando ainda estão cobertos por uma fina penugem de aspecto prateado. Daí a origem do nome.


Em seguida, esses brotos e folhas são submetidos à secagem natural e não passam pela fermentação. É justamente o fato de ser menos processado que as outras variedades o que torna suas propriedades mais concentradas e seus efeitos mais poderosos.


Fonte da juventude:


Comparando com os chás Verde e Preto, o sabor do chá Branco apresenta-se muito mais suave e doce ao paladar, sem o tradicional amargor. Contudo, o aumento da procura por esta bebida nos últimos anos não se dá apenas pelo gosto. Renomadas universidades e institutos de pesquisas de diversos países têm publicado pesquisas que comprovam suas propriedades terapêuticas.


Entre todos os chás, o branco é o que apresenta maior concentração de polifenóis, bioflavonóides e catequinas, responsáveis pela diminuição dos riscos de mau funcionamento celular. Contém também manganês, potássio, ácido fólico e vitaminas C, K, B1 e B2, todas essenciais para o bom funcionamento do organismo.


Vamos conhecer alguns benefícios do chá Branco:

Acelera o metabolismo, estimulando a queima de gorduras, além de atuar como ótimo diurético.

Ajuda a controlar a pressão arterial, fortalecendo e aumentando a capacidade dos vasos sanguíneos.

Auxilia na diminuição das taxas de LDL, o colesterol ruim.

Neutraliza os radicais livres, auxiliando no combate ao envelhecimento precoce das células.

Ajuda a prevenir cáries, tem ação antiinflamatória e antigripal.

Ativa o sistema imunológico e regenera a pele.

Estudos feitos com ratos pelo Instituto Linus Pauling de Ciências e Medicina, da Califórnia, nos Estados Unidos, comprovaram a eficiência do chá Branco em inibir mutações genéticas que podem originar o câncer.


Saiba mais sobre a Camellia sinensis:


A Camellia sinensis é um arbusto originário do sudeste asiático pertencente à família das Teáceas (Theacea). A planta é capaz de produzir por mais de 50 anos e, a partir das suas folhas, é possível obter diferentes tipos de chá, dependendo do tipo de tratamento a que são sujeitas. 

Conheça alguns deles:


Chá Branco: Obtido dos brotos muito jovens da planta, é a versão menos processada de todas e, por essa razão, as propriedades são mais conservadas e potencializadas. Seu sabor é o mais delicado.


Chá Verde: As folhas secam à sombra e depois são submetidas ao aquecimento em fornos apropriados para inativar as enzimas que provocam a oxidação. O processo mantém os princípios ativos da planta. Além disso, o teor de cafeína (originada da oxidação) não é muito elevado. O sabor é bem característico e levemente amargo.


Chá Vermelho: A diferença entre este e o verde é o processo de maturação, que, neste caso, demora cerca de 60 anos. As folhas são comprimidas e armazenadas em barris, em condições especiais. Durante o processo, a erva ganha cor de terra avermelhada com sabor terroso, mas sem amargor.


Chá Olong: As folhas passam por uma secagem rápida logo após a colheita. Em seguida, são transferidas a um tanque para fermentar. Entretanto, o processo é interrompido logo no início. Por essa razão, ele é chamado de “semifermentado”. Seu sabor é mais acentuado, mas não é tão forte quanto o preto.


Chá Preto: As folhas são submetidas à fermentação total. Após a colheita, elas são submetidas a secagem prévia, fermentação e secagem final. Todo o processo acaba por prejudicar boa parte dos princípios ativos da planta. Além disso, a oxidação eleva o teor de cafeína. O sabor é bem acentuado. Esta versão representa cerca de 70% do consumo mundial de chá.


O jeito certo de fazer o chá branco:


Para preservar os princípios ativos, coloque a água para ferver e, assim que surgirem as primeiras bolhas, apague o fogo. Acrescente o chá (cerca de 1 ou 2 colheres de chá para 1 xícara de chá) e deixe repousar por cerca de 3 minutos. Depois, é só coar e tomar.


Dica: se armazenada em lugar seco e fechado, a erva pode durar até 16 meses.


Beba quente ou frio até 24 horas após o preparo. Depois disso, os princípios ativos do chá perdem a eficácia. Vale, sim, preparar a quantidade necessária para o seu dia. Nesse caso, coloque o chá numa garrafa térmica ou numa jarra de vidro e leve à geladeira.

 O ideal é não adoçar. Mas, se preferir, use 1 colher de chá de mel para uma xícara. Evite açúcar e adoçantes para não prejudicar o processo de desintoxicação.

A canela em pau dá um sabor especial ao chá. Coloque-a na água que será levada ao fogo.


A hora certa:
 
Evite o chá branco nas refeições com alimentos fonte de proteína e ferro – esses nutrientes competem com os antioxidantes (especialmente as catequinas) diminuindo o valor terapêutico do chá. A absorção do ferro pelo organismo também fica comprometida.

Componentes presentes no chá podem espantar o sono. Você tem insônia? Então, beba a última xícara no máximo até às 17 horas.



Dieta do chá branco:


15 dias de dieta com 1200 calorias + chá branco = 6 quilos a menos


Varie as refeições como quiser: o café-da-manhã do primeiro dia com o almoço do segundo e o jantar do terceiro. Ou repita uma mesma opção várias vezes: biscoito de polvilho no lanche, por exemplo. Mas faça os três lanches para segurar mais a fome. E (importante!) beba quatro ou cinco xícaras (o equivalente a 1 litro) de chá branco todos os dias


1º dia

Café-da-manhã

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 2 torradas integrais light com 2 colheres (chá) de cream cheese light e 2 colheres (chá) de geléia diet

Lanche 1

• 1 xícara (chá) chá branco
• Fruta (1 fatia de mamão)

Almoço

• 1 filé (120 g) de frango grelhado (ou cozido)
• 2 colheres (sopa) de arroz (integral, de preferência) com 1 concha pequena de feijão
• 1 pires (chá) de legumes cozidos (abobrinha, cenoura, vagem)
• 1 prato (raso) de salada verde (rúcula, alface, almeirão). Tempere com 1 fio de azeite, sal e limão

Lanche 2

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 3 biscoitos de polvilho

Lanche 3

• 1 xícara (chá) de chá branco
• Fruta (1 maçã)

Jantar

• 1 prato (fundo) de sopa desintoxicante*
• 1 prato (raso) de salada verde (agrião, alface) com 1 colher (sopa) de atum light


2º dia

Café-da-manhã

• 1 copo (250 ml) de chá branco com folhas e frutas* batido com 1 colher (sopa) de mix de fibras*
• 1 ovo mexido com 1 fatia de peito de peru e 1 fatia fina de queijo branco light

Lanche 1

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 2 castanhas-do-pará

Almoço

• 1 filé (120 g) de peixe grelhado (ou no vapor)
• 2 colheres (sopa) de arroz (integral, de preferência) com 1 concha pequena de lentilha
• 1 pires (chá) de legumes cozidos (abobrinha, cenoura, vagem)
• 1 prato (raso) de salada verde (couve, alface)

Lanche 2

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 3 biscoitos de água e sal (sem gordura trans)

Lanche 3

• 1 xícara (chá) de chá branco
• fruta (1 laranja)

Jantar

• 1 filé (120 g) de frango grelhado
• 1 prato (raso) de salada mista (alface, palmito e tomate)


3º dia

Café-da-manhã

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 fatia de pão integral light com 1 fatia de queijo branco light (ou tofu)

Lanche 1

• 1 xícara (chá) de chá branco
• fruta (1 fatia de melão)

Almoço

• 1 prato (sobremesa) de macarrão (integral, de preferência) com tomate em cubos, mussarela de búfala em cubos (ou tofu) e 1 fio de azeite
• 1 pires (chá) de couve-flor e brócolis no vapor
• 1 prato (raso) de salada mista (rúcula, broto de feijão e milho cozido)

Lanche 2

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 2 biscoitos cream cracker integral (sem gordura trans)

Lanche 3

• 1 xícara (chá) de chá branco
• fruta (1 fatia de abacaxi)

Jantar

• 1 prato (fundo) de sopa de ervilha (ou legumes)
• 1 prato (raso) de salada colorida (alface, ½ cenoura ralada, ½ beterraba ralada e 1 colhers /sopa de atum light)


4º dia

Café-da-manhã

• 1 copo (250 ml) de chá branco com folhas e frutas batido com 1 colher (sopa) de mix de fi bras
• 2 torradas integrais e 2 fatias de peito de peru light

LANCHE 1

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 barrinha de banana seca light

ALMOÇO

• 1 filé (120 g) de peixe grelhado (ou no vapor)
• 2 colher (sopa) de arroz integral com 1 concha pequena de lentilha (ou feijão)
• 1 pires (chá) de ervilha torta no vapor temperada com 1 col. (sobremesa) de azeite de oliva

LANCHE 2

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 torrada integral com geléia diet

LANCHE 3

• Fruta (1 pêra)

JANTAR

• 2 ovos cozidos
• 1 prato (raso) de salada mista (alface, pepino e rabanete)


5º dia

Café-da-manhã

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 ovo mexido com 1 salsicha de peru picada e 1 fio de azeite

Lanche 1

• 1 xícara (chá) de chá branco
• fruta (8 uvas itália ou rubi)

Almoço

• 3 colher (sopa) de frango refogado com tomate
• 2 col. (sopa) de arroz integral
• 1 prato (raso) de salada mista (alface, agrião, tomate e 1 colher/sopa de grão-de-bico)

Lanche 2

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 barrinha de cereais (ou sementes) light

Lanche 3

• 1 xícara (chá) de chá branco
• fruta (1 mexerica)

Jantar

• 1 prato (fundo) da sopa desintoxicante
• 1 hambúguer de peito de peru grelhado


6º dia

Café-da-manhã

• 1 copo (250 ml) de chá branco com folhas e frutas batido com 1 colher (sopa) de mix de fibras
• 1 pote de iogurte natural desnatado com 1 colher (sobremesa) de banana seca (ou uva passa)

Lanche 1

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 4 amêndoas (sem sal)

Almoço

• 1 filé (120 g) de carne magra grelhada
• 1 batata média assada com ervas secas (orégano, alecrim) e 1 fio de azeite
• 1 prato (raso) de salada mista (escarola, cenoura ralada, tomate e vagem cozida)

Lanche 2

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 barrinha de sementes (gergelim) light

Lanche 3

• 1 xícara (chá) de chá branco
• fruta (10 morangos)

Jantar

• 1 filé de peixe grelhado
• 1 prato (raso) de salada mista (alface, tomate e cubos de berinjela assada com alho, 1 fio de azeite e orégano)


7º dia

Café-da-manhã

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 ovo mexido com 1 colher (sopa) de ricota, sal e 1 fio de azeite
• 1 torrada integral light

Lanche 1

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 barrinha de ameixa seca light

Almoço

• 5 colheres (sopa) de arroz (integral, de preferência) com brócolis, milho, ervilha e peito de frango desfiado
• 1 prato (raso) de salada verde (rúcula, agrião e alface americana)

Lanche 2

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 torrada light com 1 colher (sobremesa) de geléia diet

Lanche 3

• 1 xícara (chá) de chá branco
• fruta (1 fatia de melancia)

Jantar

• 1 hambúguer de frango (ou soja) grelhado
• 1 prato (sobremesa) de couve-flor e brócolis no vapor
• 1 prato (raso) de salada mista (alface, couve e tomate)


Receitas especiais:


Chá branco com folhas e frutas

cenoura + laranja + gengibre + chá branco

• 1 xícara (chá) de chá branco
• ½ cenoura pequena
• 1 laranja-lima
• 1 colher (chá) rasa de gengibre fresco ralado

OU

abacaxi + hortelã + chá branco

• 1 xícara (chá) de chá branco
• 1 fatia de abacaxi
• 4 folhinhas de hortelã

OU

couve + laranja + chá branco

• 1 xíc. (chá) de chá branco
• 1 folha de couve
• 1 laranja-lima

Prepare o chá branco e deixe esfriar. Passe as folhas e as frutas na centrífuga (ou bata no liquidificador com um pouco de água e coe). Bata com o chá frio ou gelado. Se quiser, adoce com 1 colher (chá) de mel.
Rende: 1 copo (250 ml)


Mix de fibras

• Misture 3 colheres (sopa) de semente de linhaça, 5 colheres (sopa) de farelo de aveia e 5 colheres (sopa) de farelo de quinua. Guarde num pote de vidro bem fechado.


Sopa Desintoxicante

• ½ abóbora japonesa com casca
• ½ maço de cebolinha
• 2 tomates sem pele
• 3 folhas de couve
• 1 cebola pequena
• 2 cenouras sem casca em cubos
• 1 xícara (chá) de ervilha fresca
• água
• sal

Coloque todos os ingredientes numa panela, cubra com água e cozinhe até a cenoura amolecer. Espere esfriar e bata no liquidificador. Tempere com pouco sal, orégano, alecrim ou manjericão.
Rende: 3 porções (congele as porções separadamente)



Fonte: Natura e Boa Forma