Rondonópolis/MT,

Saiba como funciona uma fazenda de criação de aranhas

Vem cá, internauta, deixa de manha porque você vai aprender como se cria aranha. Este da foto de capa é Juan Carlos Orellana. Ele tem uma fazenda que fica na cidade de Batuco, no Chile e cria um tipo bem peculiar de animais. Quer saber que bicho ele cria? A resposta tá na cara... Dele!

Você nunca acreditaria na quantidade de aranhas que nascem de um bololô de ovos como esse, mas é assim que começa o processo de criação.

Você pode até reclamar de passar a juventude na escola, mas as aranhas jovens vivem dentro de potinhos como esse.

Conforme elas vão crescendo, vão sendo passadas para recipientes maiores.

E elas crescem bem rápido.

É claro que você deve estar se perguntando o porquê de Orellana criar justamente aranhas.

Ele vende todas elas!

Tem gente que adora ter esses bichos peludos como animais de estimação.

Pensando bem... Eles são bem práticos! As aranhas comem insetos — que é uma coisa que você acha em qualquer lugar.

E pra beber? Mais fácil ainda! Um mero algodão embebido em água é capaz de matar a sede de uma aranha por mais de um mês.

As aranhas que Orellana cria são Grammostola mollicoma, da mesma família que a tarântula.

Elas não são agressivas e não oferecem risco algum ao ser humano.

A maior parte da grana que Orellana ganha vendendo aranhas vem de países da Europa, da Ásia e da América do Norte.

Tem gente que curte deixar as aranhas soltas pela casa, mas é sempre arriscado.

Imagina que você chega em casa e a aranha da vizinha tá na sua cama: diz aí, caro internauta, o que você vai fazer?

E não adianta ficar tentando botar aranha pra brigar.

As aranhas dessa espécie são bem pacíficas.

As crianças adoram — principalmente os meninos. Eles acham o máximo ter um animal de estimação que bota medo nos outros. Ainda mais se o "outro" em questão for menina.

Então, tá dada a dica. Se você precisar dar um presente bem original pra alguém, procure o Orellana. Ele vai saber o que fazer por você!

Fonte: AcidCow, R7 notícias

Fotos: Reprodução/AcidCow