Encontre no EC

Rondonópolis/MT,

Fotografias microscópicas espetaculares

Concurso premia imagens que só podem ser vistas com um microscópio. Pesquisadores e cientistas também produzem arte. A prova disso é um concurso anual que premia, desde 1975, as melhores fotografias microscópicas. Veja as dez melhores imagens (que você não veria a olho nu) deste ano.

Você diria que essa foto mostra um osso de dinossauro? Pois acredite! O fotógrafo norte-americano Ted Kinsman ficou com o décimo lugar do concurso com essa imagem.

Em nono lugar, essa imagem mostra um inseto num momento não muito sortudo, pelo menos para ele: o bicho caiu numa teia de aranha.

Ampliada 50 vezes, essa fotografia mostra uma planta e uma bactéria. A imagem garantiu o oitavo lugar no concurso para a fotógrafa Magdalena Turzańska.

Funcionário de um instituto de zoologia, Jan Michels se inscreveu no concurso com essa imagem, que mostra a pata dianteira de uma joaninha. A foto ficou com o sétimo lugar.

Essa imagem mostra o embrião de um camaleão. Em azul, as cartilagens do bicho. A foto ficou com o sexto lugar.

O hipocampo é uma parte do cérebro considerada fundamental para a memória. Em quinto lugar, essa imagem mostra um neurônio do hipocampo em atividade.

O paramécio é um organismo unicelular. Nessa imagem vemos até o núcleo desse protozoário. A foto ficou com o quarto lugar.

Uma foto brasileira ficou com o terceiro lugar do concurso. A imagem do pesquisador Alvaro Migotto, da USP, mostra um verme marinho.

A imagem que mostra a retina de uma tartaruga ficou com o segundo lugar do concurso. A autor da foto é um pesquisador dos Estados Unidos.

O holandês Wim van Egmond foi o grande vencedor do concurso de fotografia microscópica. A foto dele mostra um plâncton marinho.

Fonte: Superinteressante

Fotos: 2013 Photomicrography Competition