Encontre no EC

Rondonópolis/MT,

Game de terror que fica mais difícil conforme seu medo aumenta

Quanto mais medo você tiver, mais difícil tudo fica. É assim que funciona o Nevermind, um game de terror que usa seus batimentos cardíacos para definir a dificuldade do jogo.

O jogo Nevermind será desenvolvido de uma forma muito pouco comum, o jogo é ligado com os batimentos cardíacos de quem está jogando e conforme eles forem aumentando a tela do jogo começa a tremer deixando mais difícil para você jogar. Para zerar o jogo você precisa ter um bom controle do seu medo.

História

O personagem principal, guiado pelo jogador, é uma espécie de psiquiatra com habilidades especiais (chamado de Neuroprober) que trabalha em uma clínica onde trata pessoas com traumas psicológicos usando equipamentos de alta tecnologia. Através dos equipamentos, o Neuroprober entra na cabeça alterada do paciente e tenta encontrar a fonte do medo para curá-lo.

Os maiores inimigos estão dentro de nossas mentes.

Fator Psicológico

Neste jogo o seu medo interfere na dificuldade do game, onde quanto mais medo você sentir, mais difícil fica o jogo.

O elemento de terror deste jogo não é devido ao personagem estar em contato com monstros e o sobrenatural, mas sim algo mais profundo relacionado ao que o mundo interior e externo causa nas pessoas, receios que temos durante nossa vida, fobias, traumas de infância, repugnância.

Jogabilidade e cenários

Os cenários possuem cores destacadas e objetos estranhos, tudo parece realmente um sonho onde a física é deferente do mundo em que vivemos, em outras palavras é um ambiente bem doentio mesmo. É um jogo em primeira pessoa onde você pode interagir com partes do cenário.

No jogo você encontrará quebra-cabeças para resolver, no cenário você encontrará fotografias que captam lembranças ou fragmentos das memórias do paciente, mas não pense que será fácil como você estará tratando de feridas antes nunca tocadas, o subconsciente do paciente reagirá de forma nada amigável, tentando lhe impedir de cumprir a sua tarefa.

Equipamento para batimentos cardíacos

O próprio desenvolvedor usou uma daquelas cintas de batimento cardíaco (comumente usadas para quem faz exercícios) e afirma que a equipe está testando com outros tipos de dispositivos de medição.

O aparelho será ligado através de um ANT + USB que é uma espécie de pendrive que consegue interligar o aparelho através de Bluetooth (este dispositivo já existe e é comumente usado com aparelhos de ginástica). Além do aparelho de batimento e do USB é necessário instalar um driver no PC para esta comunicação.

O game pode ser jogado sem o equipamento também, mas escolher não usar torna a experiência menos memorável. Os desenvolvedores estão pensando em alguma forma de deixar esta interação do aparelho com o game menos complicada.


Esse vídeo dá uma ideia de como será o game:




Fonte: Revista Galileu