Encontre no EC

Rondonópolis/MT,

10 coisas exóticas que você só encontra na terra do sol nascente

Não é só o hábito que os japoneses têm de comer peixe cru que torna o Japão um dos países mais curiosos do mundo. Rica em tradições e estranhezas, a cultura japonesa reserva excentricidades que soam completamente extravagantes para qualquer ocidental como, por exemplo, dormir no trabalho e entortar os dentes, mas antes de continuar quero acrescentar que sou fascinada pelo Japão e sua cultura.

Quer ver? Conheça 10 coisas bizarras que você só encontra na terra do mangá!

Inemuri
Já pensou em tirar um cochilo no meio do trabalho? A gente aposta que sim, mas, com certeza o seu chefe não acharia uma boa ideia. Saiba, porém, que a prática, conhecida como Inemuri, é muito conhecida e aceita no Japão. E tem mais: isso pode significar que você é tão dedicado à profissão que simplesmente precisou dar aquela soneca.

Soineya
O termo vem da junção das expressões soine (dormir junto) e ya (loja). Ou seja, os Soineyas são, literalmente, estabelecimentos onde os clientes pagam para se deitar com uma garota. Mas não vale pensar besteira! Por lá, você pode apenas dormir - no sentido mais literal da palavra. Pagando um pouco mais, você ainda ganha “privilégios”, como acariciar os cabelos, fazer uma massagem nos pés ou até trocar olhares pelo período de um minuto.

Yaeba
Enquanto na maioria das culturas ocidentais, ter dentes perfeitos é quase que o obrigação, no Japão, a história não é bem assim. Yaeba quer dizer dentes duplos e se refere a mais nova moda entre a mulherada do país - os caninos acentuados. E sim, muita gente paga para alcançar o efeito da foto acima.

Aokigahara
A Aokigahara é uma floresta nas bases do Monte Fuji que com certeza você não vai querer visitar. O por quê? É que o local é o segundo mais popular no mundo quando o assunto é suicídio, perdendo apenas para a ponte Golden Gate, em São Francisco.

Hadaka Matsuri
O Hadaka Matsuri poderia ser um festival como o Lollapalooza ou o Coachella, tirando o fato de que ele é apenas frequentado por homens, que tem obrigação de ficarem pelados. A brincadeira vem de uma antiga crença japonesa, cuja ideia é de que os homens, quando nus, afastam todos os espíritos malígnos.

Ganguro
Todo mundo gosta de pegar um bronze, mas tudo tem limites. Bem, menos no Japão. O Ganguro é outra moda entre as garotas japonesas - a de usar toneladas de maquiagem com o intuito de deixar a pele bem escura. Para completar o look, vale pintar os cabelos e o rosto com muita tinta neon.

Hotel-Cápsula
Em um país cada vez mais carente de espaço, dormir em um cubículo não chega a ser uma excentricidade. Os hotéis-cápsula oferecem “quartos” de 1 metro de altura por 1 metro de largura e é, sem dúvidas, uma opção barata de hospedagem. O difícil é encarar!

Vending Machines
Ok. A gente está cansado de ver as famosas Vending Machines espalhadas pelas estações de metrô e outros locais de São Paulo - ou do mundo inteiro. Acontece que no Japão, nas maquininhas, você pode comprar produtos como frutas, ovos e até roupa íntima.

Hikikomori
Você já teve vontade de fugir do mundo e ficar trancado no seu quarto? Se sim, isso com certeza durou apenas alguns dias. Acontece que no Japão, o Hikikomori (isolado em casa) é uma prática cada vez mais em voga e consiste em um extremo isolamento da sociedade. O assunto é sério e já considerado questão de saúde pública no país.

Hikimayu
Mais uma curiosidade sobre os hábitos de beleza das japonesas, o Hikimayu é como é conhecido o ato de remover toda a sobrancelha e tatuar uma nova no local.

Fonte: Guiadasemana por Ricardo Archilha redator

Foto de capa: garotas adeptas do Ganguro