Encontre no EC

Rondonópolis/MT,

Barba bem cuidada: estilo e modernidade


Desenho adequado e cuidados com os pelos da face
imprimem estilo e esbanjam modernidade

As tendências da moda influenciam cortes e formatos, mas o tempo em que pelos desleixados pela face, sem corte nem cuidados, era sinal de atitude, há muito se foi. O homem que tem consciência de seu biótipo sabe quanto o tipo e o desenho(s) da barba podem imprimir estilo e ajudar na sedução. Nesse sentido, para poder se sentir à vontade para brincar e, quem sabe, ousar no look, o primeiro e fundamental passo é conhecer o formato do seu rosto – que, em essência, pode ser dividido em quatro tipos geométricos: oval, redondo, quadrado e triangular. E, entre eles, há os que são mais ou menos afilados ou angulares em demasia. Isso posto, eis um grande truque: apostar em desenho de barba que equilibre a geometria dos ossos da face, deixando-a sempre o mais oval possível. “Se a pessoa tem um rosto mais arredondado, você vai disfarçar esse redondo; se é mais quadrado, a mesma história. A tendência é sempre disfarçar as saliências e deixar o rosto mais para o oval”, revela o cabeleireiro e personal stylist Marcos Corazza. A partir daí, é caprichar nas peculiaridades do corte, nos detalhes que fazem toda a diferença e revelam personalidade. Levamos quatro modelos com formatos de rosto diferentes para que o especialista do salão paulistano Gilberto Cabeleireiros avaliasse e sugerisse looks para cada caso. Dicas para guardar e para adaptar ao seu caso ou do seu companheiro na hora da mudança de visual.

Qual seu tipo?
 
Para saber qual o formato de seu rosto e poder melhor optar por seu estilo de barba (e também de corte do cabelo), a dica dos especialistas é, diante do espelho, fazer uma auto-analise, com perguntas do gênero: ao observar o desenho do meu maxilar e da linha que segue até os meus cabelos, qual a forma que se destaca mais? Quão larga é a fronte ao compará-la ao maxilar? O maxilar é mais largo que minha fronte? Quão proeminentes e arredondadas são minhas maçãs do rosto? O cruzamento das respostas o definirão como:


OVAL: Rosto de tipo oval tem como característica ser levemente mais largo nas maçãs do rosto (em relação à fronte ou ao maxilar) e se estreitar em direção ao queixo. É considerado, de maneira geral, o “formato ideal”.


QUADRADO: Fronte larga e forte, com maxilar amplo. Se o rosto for afilado, parece mais retangular; no caso de rostos largos, a geometria é mais próxima mesmo do quadrado.


TRIANGULAR: Fronte mais estreita somada a uma proeminente ou ampla linha do maxilar. Há ainda o subtipo chamado “triângulo invertido”, que, como o nome diz, caracteriza-se pelo inverso, fronte larga e linhas estreitas do maxilar e queixo.


REDONDO: Rosto sem ângulos definidos, mas com tendência a ser mais largo na linha das maçãs, assim como cantos mais suavizados ao longo da fronte e do maxilar.

Veja abaixo os looks para cada tipo de rosto:





DICAS:

Se a pessoa tiver papada, uma opção é deixar a barba mais comprida, isso dá a impressão de que a ponta do queixo ficou mais longa. Para acertar mais adequadamente o desenho, o melhor é passar a máquina lateralmente.


Para os carecas, recomenda-se barbinha curta ou por fazer. Uma barba cheia chama muita atenção para a área calva.


Quem tem rosto mais gordo, deve ter cuidado com os desenhos de forma retangular na parte inferior da barba. Eles criam a ilusão de que você não tem queixo. A barba pode avançar até o papo, mas não chegar ao gogó.


Na hora de fazer a barba, para melhor resultado para sua pele, lave o rosto com água morna para amolecer os pelos. Depois, com os dedos, passe gel ou creme no rosto; em seguida, espalhe com um pincel molhado em água quente em movimentos circulares para criar espuma.


Para acertar melhor as linhas de barba e cavanhaque, prefira lâminas fixas às móveis.


Faça a barba sempre em movimento contrário ao nascimento dos pelos. Embaixo do queixo, passe a lâmina de baixo para cima; acima dele, de cima para baixo.


Se você sangrar após fazer a barba e se tiver algum compromisso importante em seguida, uma dica é passar gelo sobre os “ferimentos”. Também pode optar por produtos cicatrizantes comercializados em farmácias.



Fonte: Espaço Natura