Encontre no EC

Rondonópolis/MT,

As assombrosas profecias da ficção!

Na vida real, muitas pessoas alegam ter a habilidade de prever acontecimentos e existem casos em que elas realmente acertam. Se você fica impressionado com essas coisas, vai arregalar os olhos com as informações a seguir. Alguns filmes bem famosos conseguiram prever e acertar coisas sobre o futuro.

Confira!

Armageddon previu a destruição das Torres Gêmeas
Até parece que a foto acima é uma imagem real do terrível atentado às Torres Gêmeas, que aconteceu no dia 11 de setembro de 2001, mas é, na verdade, uma cena do filme Armageddon, de 1998. Na cena em questão, o World Trade Center aparece em chamas por ter sido atingido por asteroides. Outro detalhe assustador sobre a cena é que um taxista interpreta os acidentes naturais como se fossem atos terroristas.
Foto: Reprodução/Youtube

O filme Super Mario Bros. também previu a destruição das Torres Gêmeas
No filme de 1993, uma cena bem específica parece prever a queda das duas torres do World Trade Center de um jeito diferente. É que na trama, dimensões estão colidindo e, por conta disso, coisas do nosso mundo simplesmente começam a desaparecer. Na cena em questão, as Torres Gêmeas começam a se "dissolver", uma na sequência da outra.
Foto: Reprodução/Youtube

2001 - Uma Odisséia no Espaço previu a criação das conversas por vídeo
Hoje em dia, é comum conversar com alguém que está longe usando o Skype, o Facetime ou outro aplicativo de conversa por vídeo. Acontece que o clássico filme espacial de Stanley Kubrick pensou nisso em 1968! Na trama, vários outros dispositivos tecnológicos que só seriam inventados anos depois também são apresentados, como um sistema que lembra muito o Siri usado nos aparelhos da Apple para responder perguntas dos usuários.
Foto: Divulgação

O Exterminador do Futuro previu o uso de robôs militares
Os drones são aqueles robôs e aeronaves que são comandados à distância, sem tripulação e, atualmente, representam um papel importante em diversas áreas, principalmente a militar. Alguns são usados para desarmar bombas, outros para mapear regiões perigosas e existem até aqueles que ajudam pessoas em situações de risco. O Exterminador do Futuro é de 1984 e já tinha essa tecnologia em seus efeitos especiais.
Foto: Reprodução/Youtube

Inimigo do Estado previu escândalos de espionagem do governo americano
Depois que Edward Snowden liberou documentos mostrando que o governo dos EUA estaria envolvido em espionagem de outros países e de seus próprios cidadãos, o assunto é um dos mais debatidos da atualidade. Em Inimigo do Estado, filme de 1998, Will Smith se torna alvo de pessoas perigosas por descobrir segredos políticos. A trama fala bastante de espionagem por parte do governo, que teria "olhos e ouvidos" em todos os lugares.
Foto: Divulgação

De Volta Para o Futuro previu a criação do Google Glass (e vários outros aparatos tecnlogócicos)
A trilogia é muito divertida e tem uma das tramas de viagem no tempo mais complexas e bem estruturadas dos cinemas. Por enquanto, ainda não conseguimos andar em um skate voador, apesar de já existirem alguns protótipos sendo testados, mas diversas invenções que pareciam mirabolantes nos filmes dos anos 80, já existem. Uma delas é um óculos com funções de computador, assim como o Google Glass. As conversas por vídeo, videogames que não precisam de controles remotos, filmes 3D e muitas outras coisas são apresentadas.
Foto: Divulgação

Minority Report: A Nova Lei previu a propaganda direcionada para cada pessoa
Hoje em dia, a publicidade direcionada é uma das maiores "armas" das empresas para aumentar as vendas, focando seus anúncios de acordo com os gostos de cada pessoa. Sabe aqueles anúncios do Facebook que parecem ter sido feitos para você? Tudo faz parte de um complexo sistema baseado nos seus gostos das redes sociais, nas coisas que você compra em lojas virtuais e por aí vai. No filme de 2002, Tom Cruise entra em um shopping. 
Foto: Divulgação

Blade Runner, o Caçador de Andróides previu os outdoors digitais
O filme dos anos 80 mostrava cidades do futuro cheias de propagandas em grandes telões, algo bastante comum hoje em dia, mas que na época não era tão fácil vê-los espalhados por prédios, estações de metrô e vários locais das cidades.
Foto: Divulgação

O Vingador do Futuro previu a criação de veículos sem motorista
No filme de 1990, o personagem de Arnold Schwarzenegger entra em uma espécie de táxi dirigido por um computador. Por enquanto, ainda não temos táxis assim, mas já existem diversos veículos comandados sem a ajuda de um motorista, como metrôs, trens e até mesmo alguns carros, que ainda não vemos nas ruas, é claro.
Foto: Divulgação