Rondonópolis/MT,

Mito ou verdade? Macarrão não engorda e pode ajudar a emagrecer


Tudo muda! Nos últimos anos, tem havido uma espécie de revolução quando se trata de alimentos. Os tradicionais vilões da dieta saudável, como manteiga, sal e ovos, estão começando a ser resgatados em estudos que desafiam as recomendações oficiais com evidências científicas.

Agora, chegou a vez de redimir o macarrão. Pesquisadores afirmam que não é preciso evitar massas para emagrecer. Claro que você não deve comer espaguete com molhos gordos descontroladamente. Mas, segundo os novos dados, como parte de uma dieta balanceada, o macarrão pode ser seu aliado na perda de peso.
De acordo com um novo estudo italiano, sob certas circunstâncias, macarrão não só não engorda, como pode te ajudar a perder peso.
Os resultados da pesquisa foram publicados na revista Nutrition & Diabetes.

A pesquisa
“Na vista popular, massa é muitas vezes considerada não adequada quando você quer perder peso e algumas pessoas a banem completamente de suas refeições. Esta não é uma atitude correta. Estamos falando de um componente fundamental da tradição italiana do Mediterrâneo”, diz Licia Iacoviello, principal autora da nova pesquisa.
A dieta mediterrânea é famosa por ser considerada uma das mais saudáveis do mundo por vários especialistas.
Assim, para o estudo, cientistas do Instituto Neuromed recrutaram aleatoriamente 14.402 participantes com idade superior a 35 anos da região mediterrânea de Molise, no sul da Itália. Um outro grupo de 8.964 participantes com idade superior a 18 anos de toda a Itália foi analisado separadamente.
A equipe usou um questionário padronizado para descobrir o que cada participante tinha comido nas últimas 24 horas, incluindo local de consumo, descrição dos alimentos e bebidas, quantidade consumida etc. Os participantes foram questionados se eles estavam seguindo uma dieta especial e se a comida que consumiram nas últimas 24 horas foi diferente do que deveriam ter comido. Por fim, também tiveram seus pesos, alturas e circunferências de cintura e quadril medidos.

Resultados
O estudo não encontrou nenhuma correlação entre não comer massa e um peso saudável – pelo contrário, o consumo de massas foi ligado a estar mais magro.
“Como um componente tradicional da dieta mediterrânea, o consumo de massas foi negativamente associado com o IMC, circunferência da cintura e relação cintura-quadril, e com uma menor prevalência de sobrepeso e obesidade”, concluíram os pesquisadores.
Iacoviello argumenta que a conclusão é que a dieta mediterrânea, se consumida com moderação e se respeitada a variedade de todos os seus elementos, incluindo massas, é boa para a saúde.

Macarrão com…
Existem algumas ressalvas, no entanto. A ligação entre o consumo de massas e dieta saudável foi condicionada à dieta mediterrânea – uma dieta composta de alimentos ricos em carboidratos complexos e fibras, tais como legumes, arroz e cereais, além de queijo, azeite, tomate, alho e peixe.
Isso significa que as pessoas que comiam macarrão e não engordavam já estavam mantendo uma dieta saudável e equilibrada, no geral. Elas estavam consumindo suas massas com peixe e legumes, em vez de molhos cremosos com muita carne, por exemplo.
Além disso, a porção de massa dessas pessoas era bastante modesta – geralmente, o macarrão era acompanhamento em vez de refeição principal, o que é tradicional no Mediterrâneo. A maior porção foi de cerca de 86 gramas.
A mensagem final, então, é comer macarrão com moderação como parte de uma dieta saudável. Esses “bons carboidratos” podem ajudá-lo a se sentir satisfeito, o que por sua vez pode fazê-lo reduzir as calorias totais ingeridas e emagrecer.